Fique por Dentro

Gil Pereira: emenda à MP 677/15 é saída para alto custo da energia consumida por eletrointensivas

7 de agosto de 2015

Gil Pereira: emenda à MP 677/15 é saída para alto custo da energia consumida por eletrointensivas

A Comissão de Minas e Energia da ALMG aprovou requerimentos de autoria do seu presidente, deputado Gil Pereira (PP), com o objetivo de debater os efeitos da Medida Provisória 677/15, que beneficia indústrias eletrointensivas da Região Nordeste do País. As atividades parlamentares serão desenvolvidas em conjunto com as comissões de Direitos Humanos e do Trabalho, da Previdência e da Ação Social.

Além de visita ao Congresso Nacional, com a participação de prefeitos e representantes da sociedade civil, serão realizadas ainda audiência pública em BH e reuniões em Pirapora e Montes Claros (as duas últimas cidades localizadas no Norte do Estado), com a finalidade de pleitear os benefícios também para as indústrias mineiras e conter a grave onda de desemprego já verificada na região.

Editada pelo governo federal, a MP 677/15 prorroga até 2037 contratos especiais de indústrias eletrointensivas na Região Nordeste com a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf). Por intermédio deles a companhia fornece energia a essas empresas por preços abaixo dos praticados pelo mercado de energia elétrica. O deputado Gil Pereira esclareceu que o objetivo é estender os mesmos benefícios para Minas Gerais, especialmente ao Norte do Estado e à Área Mineira da Sudene, conforme legislação de isonomia já existente em relação ao Nordeste brasileiro, além de emenda à MP apresentada pelo senador Antonio Anastasia (PSDB-MG).