Fique por Dentro

BOCAIUVA / NORTE DE MINAS: Acordo viabiliza resgate do reservatório da Caatinga

23 de janeiro de 2020

Encontro para concluir tratativas será realizado na próxima terça-feira (28/01), em Belo Horizonte
 
“Com muito diálogo, avançamos rumo ao melhor caminho para salvarmos o reservatório de água da Caatinga, estratégico para abastecer o distrito de Engenheiro Dolabela, em Bocaiuva, e garantir a captação a jusante no rio para os municípios de Jequitaí, Engenheiro Navarro, Francisco Dumont e Claro dos Poções”, declarou o deputado Gil Pereira, que tomou a iniciativa de intermediar o processo, durante reunião no Centro Cultural Henfil, nesta terça-feira (21/01).
 
A Defesa Civil Estadual, por determinação do governador Romeu Zema, dará encaminhamento à solução para que a Prefeitura de Bocaiuva possa assumir e manter o reservatório, inclusive para agricultura irrigada, como propõe a prefeita Marisa Alves.
 
Conteúdo
 
Depois de indicar sua instabilidade, o INCRA, atual responsável pelo reservatório de água, vem esvaziando seu conteúdo desde 2019. Também participaram do encontro: prefeitos, vereadores, representantes do Ministério Público, Corpo de Bombeiros, Comitê de Bacia do Velho Chico e IGAM.
 
“Agradeço o empenho ao tenente-coronel Flávio Godinho, da Cedec-MG, que estará conosco também na próxima terça-feira (28/01), no INCRA, em Belo Horizonte, para finalizarmos todas as tratativas com o Ministério Público e os prefeitos norte-mineiros”, informou Gil Pereira, que preside a Comissão das Energias Renováveis e dos Recursos Hídricos da ALMG.
 
Construção
 
O reservatório de água foi construído na década de 1970 para ajudar na operação de uma indústria do ramo açucareiro, permanecendo depois sob responsabilidade do INCRA. Em 2017, alguns problemas haviam sido constatados na estrutura, como concreto que cedeu e foi arrastado pela chuva no vertedouro.